Paris

    DESCUBRA COMO CENTENAS DE BRUXAS E BRUXOS FORAM AJUDADAS A ENCONTRAR SEU CAMINHO NA BRUXARIA MODERNA

    Radiestesia Prática e Ilustrada - António Rodrigues

    Radiestesia Prática e Ilustrada - António Rodrigues

     

    Hoje alçada à categoria de ciência, a radiestesia é uma prática
    milenar criada pelo ser humano em vista da necessidade de descobrir
    o oculto. Até ao início do Século XX, era chamada de rabdomancia
    e definia-se como uma prática empírica e também como mais uma
    forma de adivinhação.
    Rabdomancia é uma palavra de origem grega (rhabdos, vara e
    manteia, adivinhação), ou seja, adivinhação por meio da vara. Esta
    era a antiga denominação da hoje chamada radiestesia. A
    rabdomancia era usada na procura de fontes de água e jazidas
    metalíferas e, por volta de 1688, passou a ser usada na procura de
    criminosos.
    Os chineses já usavam a rabdomancia dois mil anos antes de
    nossa Era. Um baixo-relevo de madeira de 147 a.C. representa o imperador
    chinês Ta-Yu da dinastia Hsia, em 2205 a.C., que tinha a
    reputação de ser um dos maiores prospectores de água da Antiguidade,
    segurando um instrumento parecido com um diapasão. A legenda
    que acompanha a figura diz-nos o seguinte: "Yu, da dinastia
    Hsia, foi célebre por seus conhecimentos sobre as correntes subterrâneas
    e fontes de água; conhecia igualmente o princípio Yin e, se
    necessário, construía barragens".
    No Egito, foram descobertos objetos que apresentam uma
    notável semelhança com os pêndulos utilizados nos dias de hoje;
    inclusive um deles deu origem ao que é conhecido hoje como Pêndulo
    Egípcio, o qual será objeto de uma explanação mais detalhada
    num capítulo deste livro.

    Tamanho: 4,8 MB



    Paris

    QUE TAL APRENDER A SE MAQUIAR DE ACORDO COM O SEU SIGNO ?






    Curso Online Marmitas Saudáveis
    Para você ter uma vida mais saudável
    Não se alimenta de forma correta;
    Trabalha em uma rotina pesada durante a semana;
    Não consegue pagar suas contas;
    Não ganha o valor que gostaria;
    Não consegue dar uma vida melhor à sua família;
    Não sabe o que fazer para mudar essa situação;
    Vive apertada com as contas;
    Gostaria de ter mais tempo livre;
    Gostaria de trabalhar mais próximo dos seus filhos;
    Está cansada de não ser valorizada no trabalho atual.